DESTAQUE

SÃO BENTO VISITOU A SUA TERRA

No domingo de Pascoela e da Divina Misericórdia, São Bento desceu do seu altar, na Igreja Paroquial, e visitou todos os lugares da freguesia...

sábado, 24 de fevereiro de 2018

II DOMINGO QUARESMA B


24 HORAS PARA O SENHOR - 9 e 10 Março


40 PENSAMENTOS QUARESMAIS - um cada dia (9) - sábado primeira semana quaresma


24 FEV
Sábado da Primeira Semana

 Do Evangelho de Mateus: 
«Ouvistes que foi dito aos antigos: ‘Amarás o teu próximo e odiarás o teu inimigo’. Eu, porém, digo-vos: Amai os vossos inimigos e orai por aqueles que vos perseguem, para serdes filhos do vosso Pai que está nos Céus; pois Ele faz nascer o sol sobre bons e maus e chover sobre justos e injustos. Se amardes aqueles que vos amam, que recompensa tereis? Não fazem a mesma coisa os publicanos? E se saudardes apenas os vossos irmãos, que fazeis de extraordinário? Não o fazem também os pagãos? Portanto, sede perfeitos, como o vosso Pai celeste é perfeito»(5,44-48).

O jejum liga-se à esmola. S. Leão Magno ensinava num dos seus discursos sobre a Quaresma: «O que cada cristão deve fazer em todo o tempo, deve agora praticá-lo com maior solicitude e devoção, para que se cumpra a norma apostólica do jejum quaresmal que consiste na abstinência não só dos alimentos, mas também e sobretudo dos pecados. A estes necessários e santos jejuns, depois, nenhuma obra se pode associar mais utilmente do que a esmola, a qual, sob o único nome de “misericórdia”, abraça muitas boas obras». Assim, o jejum torna-se santo pelas virtudes que o acompanham, sobretudo da caridade, de todo o gesto de generosidade que dá aos pobres e necessitados o fruto de uma privação. Não é por acaso que as dioceses promovem a «renúncia quaresmal», ligando este tempo à fraternidade e caridade para com os últimos. Para o papa Francisco, «a prática da esmola liberta-nos da ganância e ajuda-nos a descobrir que o outro é nosso irmão».


 Oração: 

Deus Pai
O jejum que Vos agrada é um coração contrito e humilde,
capaz de compaixão pelo pobre e pelo que sofre.
Ensinai-me a sentir 'na própria pele' 
as agruras e angustias dos que vivem demaiadas
'penas' na sua vida.
E ajudai-me a partilhar os dons que me ofereces!
Por Jesus, Vosso Filho, com a luz do Espírito Santo.
Ámen.








sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

40 PENSAMENTOS QUARESMAIS - um cada dia (8) - sexta-feira da primeira semana

23 FEV
Sexta-feira da Primeira Semana

São Policarpo, bispo e mártir


 Do Evangelho de Mateus: 
"Portanto, se fores apresentar a tua oferta sobre o altar e ali te recordares que o teu irmão tem alguma coisa contra ti, deixa lá a tua oferta diante do altar, vai primeiro reconciliar-te com o teu irmão e vem depois apresentar a tua oferta. Reconcilia-te com o teu adversário, enquanto vais com ele a caminho, não seja caso que te entregue ao juiz, o juiz ao guarda, e sejas metido na prisão. Em verdade te digo: Não sairás de lá, enquanto não pagares o último centavo»"(5,23-26).
"A Quaresma é um tempo de penitência, sim, mas não é um tempo triste! É um tempo de penitência, mas não é um tempo triste, de luto. É um compromisso alegre e sério para nos despojarmos do nosso egoísmo, do nosso homem velho, e renovarmo-nos segundo a graça do nosso Batismo". [papa Francisco]
S. Policarpo foi discípulo de S. João Evangelista e por ele colocado à frente da igreja de Esmirna, como bispo. Foi também amigo de S. Inácio de Antioquia, que hospedou em sua casa, quando ele se dirigia para Roma, onde viria a ser martirizado. E foi Inácio que o definiu como “bom pastor com fé inabalável” e “forte atleta por causa de Cristo”. Este juízo foi totalmente confirmado no ano 155, quando o corajoso bispo de Esmirna enfrentou o martírio pelo fogo, no estádio da cidade. A sua morte trouxe para a Igreja, como o seu nome indica “muito fruto”.


 Oração: 

Senhor, fazei-me entender com todo o coração
as palavras que rezo no Pai-Nosso:
'assim como nós perdoamos
a quem nos tem ofendido'!
Sem perder as oportunidades que me dás
dai-me a ousadia de ser o primeiro no perdão
e nunca estar sempre à espera que o outro
dê o primeiro passo.
Isto peço por meio da graça de Vosso Filho Jesus.
Ámen.

quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

40 PENSAMENTOS QUARESMAIS - um cada dia (7) - quinta-feira-feira da primeira semana

22 FEV
Quinta-feira da primeira semana

Festa da Cadeira de São Pedro
 Do Evangelho de Mateus: 
Ao chegar à região de Cesareia de Filipe, Jesus fez a seguinte pergunta aos seus discípulos: «Quem dizem os homens que é o Filho do Homem?» Eles responderam: «Uns dizem que é João Baptista; outros, que é Elias; e outros, que é Jeremias ou algum dos profetas.»Perguntou-lhes de novo: «E vós, quem dizeis que Eu sou?» Tomando a palavra, Simão Pedro respondeu: «Tu és o Messias, o Filho de Deus vivo.» Jesus disse-lhe em resposta: «És feliz, Simão, filho de Jonas, porque não foi a carne nem o sangue que to revelou, mas o meu Pai que está no Céu. Também Eu te digo: Tu és Pedro, e sobre esta Pedra edificarei a minha Igreja, e as portas do Abismo nada poderão contra ela. Dar-te-ei as chaves do Reino do Céu; tudo o que ligares na terra ficará ligado no Céu e tudo o que desligares na terra será desligado no Céu.»(16,13-19).
A festa da Cadeira de S. Pedro, colocada no dia 22 de Fevereiro, por um martiriológio muito antigo, é uma boa oportunidade para fazermos memória viva e atualizante do primeiro dos Apóstolos, Simão Pedro. Nascido em Cafarnaum, exercia a sua profissão de pescador quando se encontrou com Jesus de Nazaré. Deixou o trabalho, a casa e a família para seguir o Senhor. Os evangelhos deixam-nos entrever a sua personalidade simples, espontânea e simpática. Jesus escolheu-o como primeiro no grupo dos Doze. Com a festa que hoje celebramos, apoiando-nos no símbolo da cadeira, realçamos a missão de mestre e de pastor conferida a Pedro por Cristo. O Senhor fez assentar sobre ele, como sobre uma pedra, todo o edifício da Igreja. A sua fragilidade foi também a sua força. A sua negação de 'amor' ao Mestre tornou-se a arma de luta para confirmar a sua coragem de O seguir até ao martírio, a partir do momento em que repetiu 3 vezes 'Senhor, tu sabes que te amo'!


 Oração: 

Deus, nosso Pai,
o Teu Filho revelou-se o Messias na cruz, 
abraçando a humanidade com um amor fiel e eterno.
Conduz-nos por caminhos de coerência e rectidão,
suplicando a abundância da Tua misericórdia
e da tua infinita paciência 
diante das nossas fragilidades e medos.
Tudo isto suplicamos por meio da
Tua Mãe, Senhora da presença e do
amor perseverante, que não vacilou
diante da cruz.
Ámen.

quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

40 PENSAMENTOS QUARESMAIS - um cada dia (6) - quarta-feira-feira da primeira semana

21 FEV
Quarta-feira da primeira semana

 Do livro de Jonas: 
Jonas entrou na cidade e andou um dia inteiro a apregoar: «Dentro de quarenta dias Nínive será destruída.» Os habitantes de Nínive acreditaram em Deus, ordenaram um jejum e vestiram-se de saco desde o maior ao menor. A notícia chegou ao conhecimento do rei de Nínive; ele levantou-se do seu trono, tirou o seu manto, cobriu-se de saco e sentou-se sobre a cinza. Em seguida, foi publicado na cidade, por ordem do rei e dos príncipes, este decreto: «Os homens e os animais, os bois e as ovelhas não comam nada, não sejam levados a pastar nem bebam água. Os homens e animais cubram-se de roupas grosseiras, e clamem a Deus com força; converta-se cada um do seu mau caminho e da violência que há nas suas mãos. Quem sabe se Deus não se arrependerá, e acalmará o ardor da sua ira, de sorte que não pereçamos?» Deus viu as suas obras, como se convertiam do seu mau caminho, e, arrependendo-se do mal que tinha resolvido fazer-lhes, não lho fez (3,4-10).
O nome de Deus é misericórdia. Ela não se alheia dos pecados, chama a atenção e corrige o pecador, mas usa de misericórdia infinita para quem o invoca com verdade e humildade. Os gestos de arrependimento exprimem a 'fraqueza' de Deus, pois Ele não é capaz de não perdoar. "Ter um coração misericordioso não significa ter um coração débil. Quem deseja ser misericordioso necessita de um coração forte, firme, fechado ao tentador, mas aberto a Deus". (Mensagem do Papa Francisco para a Quaresma 2015.)

 Oração: 

Deus, Pai rico de misericórdia,
fazei de mim um instrumento de vossa paz! 
Onde houver ódio, que eu leve o amor; Onde houver ofensa, que eu leve o perdão; Onde houver discórdia, que eu leve a união; Onde houver dúvida, que eu leve a fé; Onde houver erro, que eu leve a verdade; Onde houver desespero, que eu leve a esperança; Onde houver tristeza, que eu leve a alegria; Onde houver trevas, que eu leve a luz. 
Oh Mestre, fazei que eu procure mais consolar, que ser consolado; Compreender, que ser compreendido; Amar, que ser amado; Pois é dando que se recebe; É perdoando, que se é perdoado; E é morrendo que se vive para a vida eterna. (Francisco de Assis)  

terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

40 PENSAMENTOS QUARESMAIS - um cada dia (5) - terça-feira-feira da primeira semana

20 FEV
Terça-feira da primeira semana

Memória dos Santos Francisco e Jacinta Marto
 Do Evangelho de Mateus: 
«Quem é o maior no reino dos Céus?». Jesus chamou uma criança, colocou-a no meio deles e disse-lhes: «Em verdade vos digo: Se não vos converterdes e não vos tornardes como as crianças, não entrareis no reino dos Céus. Quem for humilde como esta criança, esse será o maior no reino dos Céus. E quem acolher em meu nome uma criança como esta acolhe-Me a Mim. Vede bem. Não desprezeis um só destes pequeninos. Eu vos digo que os seus Anjos vêem continuamente o rosto de meu Pai que está nos Céus». (18,1-5.10).
Francisco Marto nasceu em 11 de Junho de 1908, em Aljustrel, Fátima, vindo a falecer também aí, no dia 4 de Abril de 1919. Muito sensível e contemplativo, Francisco orientou toda a sua oração e penitência para "consolar a Nosso Senhor". Jacinta Marto nasceu em Aljustrel, no dia 11 de Março de 1910 e faleceu em 20 de Fevereiro de 1920, no Hospital de Dona Estefânia, em Lisboa, depois de uma longa e dolorosa doença, oferecendo todos os seus sofrimentos pela conversão dos pecadores, pela paz no mundo e pelo Santo Padre. Os seus restos mortais de Francisco e Jacinta repousam atualmente na Basílica da Cova da Iria. O Santo Padre João Paulo II proclamou-os beatos, em Fátima, a 13 de Maio de 2000 e o Santo Padre Francisco canonizou-os a 13 de Maio de 2017.



 Oração: 

“Meu Deus! Eu creio, adoro, espero e amo-Vos.
Peço-Vos perdão para os que não crêem, não adoram, não esperam e não Vos amam!”
Santíssima Trindade, Pai, Filho e Espírito Santo,
adoro-Vos profundamente e ofereço-Vos o
Preciosíssimo Corpo, Sangue, Alma e Divindade de Nosso Senhor Jesus Cristo,
presente em todos os sacrários da terra, em reparação dos ultrajes,
sacrilégios e indiferenças com que Ele mesmo é ofendido.
E, pelos méritos infinitos do Seu Santíssimo Coração e do Coração Imaculado de Maria, peço-Vos
a conversão dos pobres pecadores.”

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

40 PENSAMENTOS QUARESMAIS - um cada dia (4) - segunda-feira da primeira semana

19 FEV
Segunda-feira da primeira semana

 Do livro do Levítico: 
«Fala a toda a comunidade dos filhos de Israel e diz-lhes: sede santos, porque Eu, o Senhor, vosso Deus, sou santo. Não furtareis, não mentireis, nem enganareis em detrimento de um compatriota. Não jurareis falso, em meu nome; desse modo profanareis o nome do vosso Deus. Eu sou o Senhor. Não roubarás nem furtarás nada ao teu próximo; o salário do jornaleiro não passará a noite em teu poder até à manhã seguinte. Não insultarás um surdo, não colocarás tropeços diante de um cego. Teme o teu Deus. Eu sou o Senhor: Não cometerás injustiças nos julgamentos. Não prejudicarás o pobre, nem serás complacente para com o poderoso. Julgarás o teu compatriota com imparcialidade. Não semearás o mal no meio do teu povo. Não peças o sangue do teu próximo. Eu sou o Senhor.Não odiarás o teu próximo no teu coração; mas repreende o teu compatriota para não caíres em pecado por causa dele. Não te vingarás nem guardarás rancor aos filhos do teu povo, mas amarás o teu próximo como a ti mesmo. Eu sou o Senhor (19,1-2.11-18).
Eis o 'Código da Santidade'. Poderíamos eventualmente continuar: 'não apontarás o dedo acusador a quem o Senhor ama como a ti...'. As exigências quaresmais tocam o âmago da vida e das atitudes. Nas "alegrias" e nas "angústias" de cada homem, por bom ou mau que seja, voltamos a ouvir a pergunta de Jesus: "A quem procurais?’ (Jo 1, 38); "Quem procurais?" (Jo 18, 4.7), "A quem procuras?’ (Jo 21, 15). No fim de tudo, também da vida, seremos julgados pelos 'pequenos' gestos de amor que dispensámos aos que o Senhor nos entregou para amarmos mais: o pobre, o doente, o desprezado, o ferido, o pai, a mãe, os filhos e netos, o vizinho, o que está perto ou longe... porque o 'amor' ao jeito de Jesus não tem distâncias.


 Oração: 

Deus, nosso Pai,
conduz-me  pelo caminho da 'santidade',
mesmo quando me parecer um caminho impossível.
Alavanca a minha esperança, 
para que nunca desanime 
e lança sobre mim o teu olhar misericordioso!
Faz-me reconhecer que o Teu Nome 
que se fez vida no Teu Filho
seja sempre pronunciado por palavras vindas do coração.
Ámen.

domingo, 18 de fevereiro de 2018

40 PENSAMENTOS QUARESMAIS - um cada dia - primeiro domingo quaresma

18 FEV
Primeiro Domingo da Quaresma

 Do Evangelho de Lucas: 
«Este é o sinal da aliança que estabeleço convosco
e com todos os animais que vivem entre vós,
por todas as gerações futuras:
farei aparecer o meu arco sobre as nuvens
e aparecer nas nuvens o arco,
recordarei a minha aliança convosco
e com todos os seres vivos(9,13-14).
Deus está interessado em destruir o velho mundo do egoísmo e do pecado e em oferecer aos homens um mundo novo de vida plena e de felicidade sem fim. A renúncia a caminhos de egoísmo e de pecado e a aceitação dos projectos de Deus está na origem do nascimento desse mundo novo que Deus quer oferecer a todos os homens. Ainda no início da Quaresma é bom relembrar que "Não entraremos em 40 dias de tristeza e de austeridade. Ao contrário, é uma bela ocasião para um renascimento espiritual, pessoal, familiar e social. Em verdade, não nos põe fora do mundo. Antes, mergulha-nos no coração do mundo para que estejamos aí presentes à maneira de Jesus Cristo". (Bispo Leiria-Fátima, Mensagem Quaresma 2018)


 Oração: 

Deus, nosso Pai,
Lembrai-Vos, das vossas misericórdias
e das vossas graças que são eternas.
Lembrai-Vos de mim segundo a vossa clemência,
por causa da vossa bondade, Senhor.

E livra-me da tentação de não confiar em ninguém,
até em Vós.
Ámen.