DESTAQUE

INFORMAÇÕES PAROQUIAIS - Retoma de celebrações e acções suspensas

RETOMAMOS O NOSSO CAMINHO COM A NORMALIDADE POSSÍVEL «Nesta hora de ação de graças a Deus, queremos também exprimir o nosso reconhecimento a...

quinta-feira, 1 de junho de 2017

A CONCLUIR COM 'CHAVE DE OURO' (Mês de Maio)

O Mês de Maio tem sido 'entregue' pelos mirenses a Maria. Este ano não foi excepção e diariamente se recitou a oração do terço, sempre com uma assídua participação (cerca de 150-200 pessoas) e a diversidade na organização de cada dia. Os vários grupos paroquias, entre os quais os grupos da catequese e acção pastoral, e outros que se formaram 'ad hoc' (para o momento), deram uma característica peculiar e que reflecte o sentido comunitário da Igreja local. 
Concluiu-se este mês com o que podemos chamar 'chave de ouro'. No dia 31, junto à noite, várias centenas de 'mirenses' e de outros locais vizinhos, caminharam em procissão, seguindo a imagem de Nossa Senhora de Fátima, desde a Capela de Nª Srª da Boa Morte até à Igreja Paroquial.  Quase pareceu que não houve casa alguma, das ruas por onde passou a procissão, que não tivesse um sinal visível (ou na porta ou na janela ou nos espaços exteriores) a prestar homenagem à Mãe de Deus. E que sinais! Alguns eram verdadeiras obras de arte, seja nas flores como noutros materiais e até na representação de Maria e os pastorinhos. Momento emotivo foi certamente a passagem junto da Casa Abrigo, em que os mais idosos aí a habitar, quiseram saudar e evocar Nossa Senhora com um cântico, uma oração e uma largada de balões brancos. 
No final, junto à Igreja Paroquial, realizou-se a bênção do monumento evocativo do centenário das aparições em Fátima, representando a cena da aparição (Nossa Senhora, os pastorinhos e o meio ambiente). Monumento esse que foi colocado na parte exterior e frontal da Igreja, dando ao Largo mais 'emblemático' de Mira, uma fisionomia ainda mais bela e significante.
Muitos foram os que deram a sua mão, o seu 'jeito', o amor filial à Mãe que temos no céu, para proporcionar aos que atravessaram estes caminhos com Maria, um belo acontecimento. Acreditamos que poucos ficaram indiferentes. Tantos 'pastorinhos' vimos pelo caminho que nos parecia tudo ao vivo e que esta bela mensagem de Fátima e de Maria nunca deixará de nos seduzir, por 'temos Mãe' e essa nunca abandona. Eis apenas algumas notas fotográficas que gentilmente agradecemos à Foto Graça.